Translate

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Merlot, Nebbiolo e Castelão com suas combinações



(Foto de Guilherme Barros)

Merlot


Originária de Bordeaux, na França, mais precisamente em Saint-Emilion, onde são produzidos os famosos Chateau Cheval Blanc e Chateau Petrus. Contudo, hoje em dia é também produzida no Chile, Califórnia e Nova Zelândia. Os aromas de chocolate e frutas vermelhas maduras surgem quando colhida com a maturação correta.


Países: França (Bordeaux), Norte da Itália, Estados Unidos, Chile, Austrália, Nova Zelândia, Argentina, Brasil

Tipos de comidas com que combina: carnes de caça e aves, exceto o frango e queijos amarelos. Também combina com carne de porco, batatas e ervilhas.


Nebbiolo


Nascida em Piemonte, na Itália, é a mãe dos melhores e mais valorizados tintos italianos, o Barolo e o Barbaresco; muito intensos, frutados, com alta acidez, é obrigatório o seu envelhecimento, por isso, quanto mais velhos forem, melhor. Geralmente, espera-se no mínimo quatro anos para abrir uma garrafa.


País: Itália

Tipos de comidas com que combina: assados de caça com molhos de cogumelos e muito fortes.


Castelão


O Castelão é uma casta de uva tinta portuguesa, conhecida por Periquita, João de Santarém ou Castelão Francês. Embora seja cultivada por todo o país, destaca-se sobretudo nas regiões costeiras a sul, especialmente na região da Península de Setúbal. Nos vinhos regionais do Algarve a Castelão é frequentemente combinada com a casta Tinta Negra Mole originando vinhos mais macios na juventude, mas com menor potencial de envelhecimento.


País: Portugal e Austrália

Tipos de comidas com que combina: aves e assados de carne suína (pernil e lombo), quiches, tartes salgadas, de queijo, frango, e obviamente com bacalhau.