Translate

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Ficha Técnica com Adolfo Lona: Um olhar argentino num chão gaúcho!



            Difícil descrever muito, por isso, ``fotografia em cena`` sempre acaba por resumir estas  noites marcantes de degustação.

        Agora imagine Adolfo Lona com toda sua graça, começando a palestra com um  papo, que nós, presentes que éramos assim `` uns campeões``, por aquela noite  chuvosa em dia de semana paulistana, em meio a percaussos  (protextos vizinhos) ...

       Bem é particularidade da Paulicéia, a chuva. E ela foi assim, uma companhia aconchegante para seguirmos com os ouvidos e olhos em Adolfo Lona ...



 Na foto: Renato Lutgens, sommelier. Regiane Avila, sommeliere e blogueira




      Essa noite foi particular! A existência de alguns encontros importantes, e o cenário entre a produção  dos espumantes Lona, estava algo especial: uma verdadeira aula de tudo! O senhor ``Lona`` , argentino, não oculta nenhum detalhe, ele é inclusive muito paternal: nos ensina com muita dedicação todos os detalhes sobre os métodos que se encaminham desde da estória da produçao de cada um à como desarolhar*, servir, ...  Foi uma noite de privilégio estar ali numa quase duração eterna, assim dá para falar dos espumantes em boca!


Passeio de Bento a Garibaldi, estrada



      Sinto necessidade de falar da cidade de Garibaldi, que é cidade onde vive e produz o enólogo Adolfo Lona porque é onde tenho tantas recordações  desde a infância,  e que agora tem um motivo mágico para retornar com mais alegria ainda!
     Garibaldi é mundo gaúcho, é cidade de serra, é bela, é míuda, é interior, é conhecida!E tem Adolfo Lona!


Monumento da Cidade de Garibaldi/RS



      Sei que Adolfo Lona foi prestigiado, porque com tanta generosidade, simplicidade e  excelência, ele conseguiu fazer com que o grupo fosse SONORO: repetidos comentários curiosos como promessas de que irão conhecer Garibaldi, e visita-lo! Fiquei num misto de orgulho, porque é esse argentino quase gaúcho que encantou a noite, também semeando esse amor ao estado.








     Creio que a Camila Helena (escritora do Vinho e Delicias ), também lá presente, falou com refinamento a altura do que foi a noite, mas vou tentar ser próxima a ela...

      A pizzaria estava como a casa da gente! ``Acolhedora ``  Amigos, que parecem familiares, gratas surpresas, e trocas mútuas!
    

      Os espumantes nos obrigam a entrar no caminho da alegria, não tem jeito... Primeiro aprendizado, de Lona!

Abriu a degustação com o ADOLFO LONA BRUT - Metódo Charmat - (60%Pino/40%Chard)
Sabe qual é o subtítulo dele?  ``Casamento``!!!
Chardonnay predominantemente em seus aromas e FRUTADO! Com ele se faz as festas! Se faz casamentos, grandes festas... Sabe o ``para casar``? é esse!


Depois o ADOLFO LONA BRUT ROSE- Método Charmat- (60%pino/50%chard) -  que de tão eleito pela maioria, roubou a cena mesmo, seja pela cor invejável, seja pela complexidade e foi parar nas nossas mesas com uma bela pizza...


ADOLFO LONA BRUT- Método Champenoise- (50%pino/50%chard) - Mais especifico...
Destaco em cena uma acidez potente... alguns perfis se identificariam bem.



ADOLFO LONA NATURE - Método tradicional- ( Pinot/Chardonnay/Merlot) - E como o nome ``nature`` acredito que é o mais singular contem apenas 3 gramas de açúcar, e eu me apaixonei!
Achei minha cara, apesar de elegante!Rio...
Ele é uma experiência para mim... Meu preferido!




      Bem, não ficamos mais no mesmo lugar que as pessoas comuns depois dessa cultural aula e degustação. Os espumantes em Taça se vão, sobram as garrafas vazias, mas ficam em nós e no porão das memórias, o conceito!




      Fico por aqui, feliz pelos reencontros, pela vida, a fotografia e a sabedoria de gente que faz com o amor e dedicação o que gosta!


Obrigada a todos pela energia!









 E até mais ver GARIBALDI do LONA!


Outro registro querido de Garibaldi/RS






Contato Comercial em São Paulo/SP - 

Diego Graciano

+55 11 9- 5133 4014
diego_graciano@hotmail.com


Adolfo Lona

+55 54 3462 4014

http://www.adolfolona.blogspot.com.br




Viva o Vinho!